Login

bolsas

No ano de 2015, foram atribuídas as seguintes Bolsas:

Na vertente clínica:

  • À Doutora Sónia Gomes da Costa Figueira Bernardes, psicóloga do Departamento de Psicologia Social e das Organizações do ISCTE-IUL, que se irá deslocar durante 2 semanas ao Laboratório de Psicologia da Saúde da Universidade de Gante na Bélgica no âmbito de uma colaboração com a Professora Catedrática Liesbet Goubert. Entre outros objetivos da sua deslocação, encontra-se a aquisição de conhecimentos relativos a metodologias de investigação, nomeadamente Métodos de Observação e Métodos de Registos Diários, para pôr em prática nos seus estudos que visam perceber quais são os fatores psicossociais que influenciam não só as experiências de dor dos indivíduos mas também como estas são avaliadas e tratadas por profissionais de saúde.
  • Ao Prof. Doutor Daniel Humberto Pozza da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, que se deslocará ao Comprehensive Cancer Center, Medical University Vienna and General Hospital, na Áustria durante duas semanas. O estagiário, orientado pelo Prof. Doutor Christoph Zielinski, acompanhará a consulta clínica aos doentes com dores crónicas devidas a tratamento oncológico e se possível aos sobreviventes do cancro para perceber a realidade destes doentes, o processo de diagnóstico e o plano de tratamento proposto e realizado por especialistas austríacos na área e que têm por base a melhor evidência científica disponível. Para além desta aprendizagem, realizar-se-á uma reunião para estabelecer um protocolo de colaboração de investigação entre as instituições envolvidas, para a construção de um consórcio europeu de forma a concorrer com um projeto comum ao Horizon 2020.

Na vertente da ciência básica:

  • À Mestre Raquel Leal Monteiro Mano de Oliveira, aluna de doutoramento do Programa Doutoral em Neurociências da FMUP, que fará um estágio de 4 semanas no grupo de investigação Pain, Injury and Repair of the Damaged Nervous System liderado pelo Professor Stephen McMahon no King's College London, no Reino Unido. O seu projeto de doutoramento pretende clarificar os mecanismos moleculares subjacentes à dor central e disfunção da bexiga após lesões da medula espinhal. No seu estágio irá aprender e dominar técnicas de biologia molecular e fazer uso de ratinhos Knock-out indutíveis para perceber como a alteração de genes específicos envolvidos na metilação do ADN se pode correlacionar com os mecanismos da dor.